Serra Catarinense. Sábado, 21 de Outubro de 2017
Anuncie Classificados Correio Lageano
Instituto José Paschoal Baggio
Anuncie Essencial Correio Lageano
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central do Assinante Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

Mídia Kit diversar formas de anunciar

:: 10/10/2017 | Cinema

A menina índigo estreia nos cinemas de todo o Brasil

A menina índigo estreia nos cinemas de todo o Brasil

Texto:

Lages, 11/10/2017, Correio Lageano

 

 

Sofia é muito espirituosa, espiritualizada e faz o tipo criança sabe-tudo. É por isso que na escola ela acaba sendo esnobada pelos coleguinhas.

 

Nesta quinta-feira (12) várias salas de cinema espalhadas pelo país abrem suas portas para receber o público que espera pela estreia do filme brasileiro “A menina índigo”. Distribuída pela Film Connection, a produção, com temática espírita, foi dirigida por Wagner de Assis - mesmo diretor de outro longa espírita, Nosso Lar. “É nas relações entre os personagens que aparece toda a força da menina. Uma nova geração que tem sido chamada de Índigo, representada por Sofia, apresenta comportamentos novos, questionamentos sobre normalidade, posturas surpreendentes e, também, um olhar espiritualizado para todas as coisas”, disse o diretor, após o lançamento do trailer, em agosto, ao Portal G1. 

 

Assista ao vídeo

 


O elenco conta com a atriz mirim Letícia Braga, e os globais Murilo Rosa e Fernanda Machado. “É um filme que fala sobre afeto. As pessoas que virem vão querer se abraçar no final”, garantiu Murilo Rosa, intérprete do jornalista Ricardo. 

 

 

Sinopse_ Sofia (Letícia Braga) é uma menina de sete anos que apresenta comportamento considerado fora do padrão, na escola e em sua relação com os adultos. Sua mãe (Fernanda Machado), a executiva Luciana, acredita que ela tem algo especial que a faz curar as pessoas. Quando vai morar com o pai, Ricardo (Murilo Rosa), um jornalista competente e racional, começa a provocar mudanças nas relações familiares, obrigando todos ao seu redor a repensarem suas vidas. Sofia é representante de uma nova geração de crianças chamadas de índigos, que, acredita-se, têm potenciais transformadores da sociedade.

    Assine o CL Online

    Comentários

    Para comentar esta notícia entre com seu e-mail e senha de assinante. Caso não seja assinante, clique aqui. | Esqueci minha senha >>

    • (*) Campos obrigatórios.

    Últimos Comentários