Serra Catarinense. Sábado, 18 de Novembro de 2017
Anuncie Classificados Correio Lageano
Instituto José Paschoal Baggio
Anuncie Essencial Correio Lageano
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central do Assinante Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

Correio Lageano - Diversos formatos para anunciar

:: 06/06/2010 | Lages

Iphan apresenta em Lages estudo sobre a Coxilha Rica

Iphan apresenta em Lages estudo sobre a Coxilha Rica

Texto:

Lages, 07/06/2010, Correio Lageano

 

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) está realizando o Projeto Caminho das Tropas, na região da Coxilha Rica, para levantamento histórico e cultural. São trechos de corredores, passos, fazendas e cemitérios. O trabalho busca a delimitação de áreas de interesse à preservação da paisagem. Nesta segunda-feira acontece em Lages a apresentação do projeto para a comunidade.


O encontro está marcado para as 19 horas, no auditório do Centro de Ciências Agroveterinárias. Estão previstas as participações de integrantes do laboratório de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto do Curso de Geografia da Universidade do Estado de Santa Catarina, Ministério Público de Santa Catarina e Coordenadoria de Desenvolvimento Ambiental da Fundação do Meio Ambiente (Fatma), em Lages.


O estudo é um resgate cultural da região do caminho das tropas, visando à identificação e proteção do patrimônio cultural. O Iphan desenvolve desde 2007 uma série de ações, por meio do Projeto Caminhos das Tropas, buscando a valorização das identidades locais e fornecendo subsídios para a construção de alternativas de desenvolvimento social e econômico pela apropriação do patrimônio local.


Entre as ações já desenvolvidas, destaca-se o inventário dos bens imóveis e locais de interesse cultural (trechos de corredores, passos, fazendas e cemitérios) com vistas à proteção legal e delimitação de áreas de interesse à preservação da paisagem; Publicação do livro e coleção de cartões postais “Saberes e Fazeres da Coxilha Rica” (resultado do convênio celebrado entre o Iphan e a Associação Vianei de Cooperação e Intercâmbio no Trabalho, Educação, Cultura e Saúde), viabilizando apoio e Fomento ao Patrimônio Cultural Imaterial do Programa Nacional do Patrimônio Imaterial do Ministério da Cultura.


Entre as ações em curso, encontram-se: elaboração do projeto de restauro da sede da fazenda Cajuru, em Lages, que deve ficar pronta no segundo semestre deste ano;

 

mapeamento/georreferenciamento da paisagem cultural da região dos Caminhos das Tropas, a partir de convênio firmado com o Laboratório de Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto do Curso de Geografia da Universidade do Estado de Santa Catarina. Participação nos processos de licenciamento ambiental dos empreendimentos eletroenergéticos previstos para a região da Coxilha Rica, com o acompanhamento do Ministério Público de Santa Catarina e Coordenadoria da Fatma em Lages.

 

foto:Ricardo Bampi/divulgação

    • Iphan apresenta em Lages estudo sobre a Coxilha Rica
    Assine o CL Online

    Comentários

    Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha. Caso não tenha cadastro, clique aqui. | Esqueci minha senha >>

    • (*) Campos obrigatórios.

    Últimos Comentários