Serra Catarinense. Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017
Anuncie Classificados Correio Lageano
Instituto José Paschoal Baggio
Anuncie Essencial Correio Lageano
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central do Assinante Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

:: Negócios > Notícias

Shoppinhão é o centro de compras da Festa do Pinhão

Texto:


Shoppinhão é o centro de compras da Festa do Pinhão Clique para ampliar

Lages, 13/06/2017, Catarinas Comunicação

 

Não bastasse toda a estrutura de palcos, restaurantes, banheiros, segurança e até pronto-socorro, a Festa Nacional do Pinhão, que ocorre até o próximo domingo, dia (18) em Lages, oferece um completo centro de compras aos visitantes.

 

O Shoppinhão conta com mais de 30 expositores e boxes de venda dos mais variados produtos. Ali é possível encontrar doces, confecções em lã, tecidos, materiais sintéticos, jaquetas de couro, mantas, luvas, calçados, jogos de realidade virtual, móveis de madeira maciça, semijoias, artigos gauchescos, erva-mate, quadros, camas e uma série de outros produtos da região.

 

O Shoppinhão recebe também neste ano o Espaço Cultural para a comercialização de artesanatos. É lá que fica a artesã Sandra Cunha Leite, de 53 anos, que expõe seu trabalho pela segunda vez na festa. Ela conta que muitas pessoas procuram conhecer o artesanato feito por ela, fabricado com fita tusa. “Além da demanda de vendas, muitos turistas procuram obter informações da fita, curiosos para saber de que material ela é produzida”.

 

A fita é formada basicamente por fibra de celulose e cola, de espessura final, doada por uma indústria de papel com a intenção de reutilizar o material. “Possuímos algumas peças conceituais aprovadas pela curadoria do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), e outras são criações. A fita é fracionada, então utilizamos apenas a mão-de-obra, cola e tesoura. A criação e a produção podem ocorrer na madeira, em peças de vidro e outros materiais”.

 

O Shoppinhão funciona no Pavilhão Tito Bianchini, bem no meio do Parque Conta Dinheiro, e é aberto todas as noites para visitação do público.

 

 

Fotos: Mirella Guedes / Catarinas Comunicação

Assine o CL Online


< Voltar
Compartilhar: