Serra Catarinense. Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014
Lages Garden Shopping - Inauguração 20 de Novembro
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central de Vendas Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

:: 30/06/2012 | Concurso

Educação de SC abre inscrições para concurso de remoção e lotação

Texto:

Educação de SC abre inscrições para concurso de remoção e lotação

Florianópolis, 30/06/2012, Secretaria de Comunicação de SC

 

 

A Secretaria de Estado da Educação (SED) informa que estarão abertas, a partir de segunda (02) até quarta-feira (04), as inscrições para o concurso de remoção e lotação direcionado aos professores da rede pública estadual que querem mudar de escola. Poderão participar do concurso os professores das áreas um e dois (ensino fundamental) e da área três (ensino médio).

 

 

 

Os interessados deverão procurar a sua Gerência Regional de Educação (Gered), no horário das 13h às 19h, com a documentação necessária. Para ter acesso ao edital e ao quadro de vagas é só acessar o site da SED. A listagem preliminar da classificação dos candidatos inscritos será publicada no dia 16 de julho.

 

 

 

No ato da inscrição, o professor poderá optar por até três escolas, registrando-as em ordem de preferência e indicar, também em ordem de preferência e em cada escola de sua opção, até quatro disciplinas entre as de sua habilitação profissional, distintas por área e que estejam com vaga disponível.

 

 

 

As opções do candidato devem ser compatíveis com o seu regime de trabalho, já que não poderá fazer nenhuma alteração na sua carga horária, por meio do concurso. O professor, com 30 ou 40 horas semanais de trabalho, poderá escolher somente escolas que funcionem em dois turnos.

 

 

 

Classificação


Com relação à classificação, ela ocorrerá de acordo com o tempo de serviço do professor conforme os critérios de pontuação, conforme consta no edital assinado pelo secretário da Educação, Eduardo Deschamps. No cálculo do tempo de serviço não será permitida a contagem de tempo paralelo utilizado para a aposentadoria.

 

 

 

Em caso de empate terá preferência o professor que possuir maior tempo de serviço no magistério público estadual, sob qualquer vínculo empregatício; o professor que possuir maior número de dependentes; e o professor mais idoso.

 

 

Foto:Divulgação/Ilustrativa

< Voltar