Serra Catarinense. Sábado, 30 de Abril de 2016
Anuncie Classificados Correio Lageano Festa do Pinhão 2016
Instituto José Paschoal Baggio
Anuncie Essencial Correio Lageano
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central do Assinante Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

Participe da Revista Essencial Corrreio Lageano

:: 02/08/2012 | Política

Indeferida candidatura de Paulo Delllajustina

Indeferida candidatura de Paulo Delllajustina

Texto:

Lages, 03/08/2012, Correio Lageano

 

 


A Justiça Eleitoral de Santa Catarina indeferiu, nesta quinta-feira (02)  a criação do diretório municipal do PDT, confirmando a validade da comissão provisória. Uma das consequências da decisão foi o indeferimento, também, da candidatura de Paulo Dellajustina à prefeitura de Lages. Ele terá até domingo (05) para recorrer.

 

 


Conforme o candidato, o partido já recorreu da decisão que indefere a criação do diretório e, se necessário, deverá entrar com recurso até no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A disputa dentro do PDT lageano se iniciou com a convenção realizada por uma das alas do partido, aprovando a criação de um diretório municipal e o lançamento de candidatura própria, tendo como candidato a prefeito o oficial militar reformado Paulo Dellajustina.

 

 


De acordo com nota enviada pelo então diretório, à época, “a convenção extraordinária do PDT de Lages foi realizada dia 27 de maio, conforme o artigo 31, parágrafo 1º do estatuto partidário, porque a Comissão Provisória do partido negou-se a convocar eleição democrática para escolha dos novos dirigentes”.

 

 

 

Dizia, ainda, a nota, que “uma comissão provisória tem validade por 90 dias, podendo ser prorrogada por mais 90 dias; e que mais de 10% dos filiados ao PDT de Lages, em abaixo-assinado, requiseram a convenção extraordinária, elegendo o novo diretório, com 45 membros, suplentes, comissão de ética e comissão fiscal”.

 

 


Com o impasse, o presidente do diretório definido na convenção de 27 de maio, Luis Antonio Guazzelli, entrou na Justiça contra a Comissão Provisória de Lages e Executiva Estadual, com uma ação cautelar, a qual, na quarta-feira, recebeu o indeferimento do juiz eleitoral. Quanto à sua candidatura, Dellajustina diz que: “ainda estou no páreo. Isso faz parte do jogo político. Tem gente esperneando para me tirar da disputa. Vamos recorrer”.

 



Foto: Divulgação

    Assine o CL Online

    Comentários

    Para comentar esta notícia entre com seu e-mail e senha de assinante. Caso não seja assinante, clique aqui. | Esqueci minha senha >>

    • (*) Campos obrigatórios.

    Últimos Comentários