Serra Catarinense. Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017
Anuncie Classificados Correio Lageano
Instituto José Paschoal Baggio
Anuncie Essencial Correio Lageano
EM CARTAZ
ÁREA DO ASSINANTE

Área de acesso restrito aos assinantes do Jornal Correio Lageano:



Esqueci minha senha

Central do Assinante Correio Lageano (49) 3251-8200
Correio Lageano

Redação: 49 3221 3344
redacao@correiolageano.com.br

Comercial: 49 3221 3322
comercial@correiolageano.com.br

:: 20/03/2017 | Polícia

Motoristas estacionam em qualquer lugar na Marechal Floriano

Motoristas estacionam em qualquer lugar na Marechal Floriano

Texto:

Lages, 21/03/2017, Correio Lageano

 

 

Pontos de ônibus, entradas de garagens e estacionamentos privativos são usados por pais e responsáveis que buscam filhos em escola no Bairro Santa Rita

 


O trânsito de veículos e pedestres fica mais intenso nas saídas das escolas, mas na Avenida Marechal Floriano, no Bairro Santa Rita em Lages, a situação saiu de controle. Moradores e empresários reclamam que motoristas estacionam em frente a garagens, em pontos de ônibus e em outras áreas proibidas.  

 


O empresário Mauricio Ezequiel, que atua ao lado da Caixa Econômica, sabe que quando chega o horário de chegada dos pais, precisa dividir o trabalho de atender os clientes com o de controlar quem estaciona nas vagas particulares de sua loja. “Todo dia eu tenho que pedir para alguém se retirar, tem gente que até reclama quando peço”, ele relata. Algumas mães de alunos explicam que estacionam em lugares indevidos porque a escola não oferece estacionamento e as vagas são escassas.

 


O diretor da Diretoria de Trânsito de Lages (Diretran), Jacinto Bet, explica que nesta semana o órgão começará um estudo sobre possíveis alterações para o trânsito da avenida, com a intenção de melhorar o fluxo e evitar que essas infrações sejam cometidas. Ele ressalta que o contingente de agentes de trânsito é pequeno e por isso não podem fazer o monitoramento em todas as escolas da cidade. A Polícia Militar relata que as denúncias de infrações podem ser feitas no 190 e que o órgão faz a fiscalização de veículos de transporte escolar, quando necessário.

 

 

Foto: Camila Paes

    Assine o CL Online

    Comentários

    Para comentar esta notícia entre com seu e-mail e senha de assinante. Caso não seja assinante, clique aqui. | Esqueci minha senha >>

    • (*) Campos obrigatórios.

    Últimos Comentários